Administração de Condomínio

Ações por falta de pagamento do condomínio aumentam 223,6% neste ano


Levantamento do Secovi-SP aponta 8.943 ações registradas nos primeiros oito meses do ano, contra 2.764 ações no mesmo período de 2016
                            De janeiro a agosto, foram protocoladas 8.943 ações

Levantamento do Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP, realizado no Tribunal de Justiça do Estado São Paulo, aponta aumento no número de ações por falta de pagamento da taxa de condomínio nos primeiros oito meses deste ano. 

De janeiro a agosto, foram protocoladas 8.943 ações, uma alta de 223,6% em comparação ao mesmo período de 2016, quando houve o registro de 2.764 ações na cidade de São Paulo. No acumulado dos últimos 12 meses, de setembro de 2016 a agosto de 2017, foram protocoladas 11.290 ações, o que equivale a uma alta de 105,4% na comparação com o período anterior (setembro de 2015 a agosto de 2016), com 5.496 ações. 

Especificamente no mês de agosto, também houve ligeira alta. Foram 1.473 processos, 4,4% a mais que os 1.411 ajuizados em julho. Comparado ao mesmo mês do ano anterior, quando houve o registro de 524 processos, o aumento foi de 181,1%. 

Para o vice-presidente de Administração Imobiliária e Condomínios do Sindicato, Hubert Gebara, os números confirmam a tendência de alta para este ano, motivada pelo novo Código de Processo Civil. "Com o CPC, a cobrança judicial passou a ser mais rápida e ágil", afirma Gebara, que reforça a necessidade de síndicos e administradoras continuarem as negociações de cobrança.

"A ação judicial deve ser o último recurso utilizado pelo condomínio. Antes, é preciso tentar até a exaustão um acordo amigável, muito mais vantajoso para ambas as partes", afirma o vice-presidente da entidade.

Autor: Assessoria de Comunicação do Secovi-SP

Comente essa notícia


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas