Administração de Condomínio

Ações por falta de pagamento do condomínio aumentam 9,7% em março


Levantamento do Secovi-SP aponta ainda que, no acumulado do trimestre, houve redução de 12,8% no número de processos na cidade de São Paulo

Levantamento realizado mensalmente pelo Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP (Sindicato da Habitação), no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, mostra que o número de ações de cobrança por falta de pagamento da taxa condominial aumentou 9,7% em março.

No mês, foram ajuizados 942 processos, contra 859 ações registradas em fevereiro. Comparado a março de 2018 (1.155 ações), houve uma redução de 18,4%.

Acumulado - No primeiro trimestre deste ano, também foi verificada uma queda de 12,8% com 2.325 ações contra as 2.665 ações ajuizadas no mesmo período de 2018. Nos últimos 12 meses (de abril 2018 a março de 2019), foram protocoladas 10.650 ações, redução de 23,5% na comparação com o período anterior (de abril de 2017 a março de 2018), quando foram registradas 13.928 ações.

Confira a íntegra do levantamento

 

Autor: Assessoria de Comunicação - Secovi-SP 


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas