Administração de Condomínio

Capital paulista registra alta de ações por falta de pagamento de condomínio


 Em março, foram ajuizadas 885 ações condominiais, 38,9% a mais que os 637 processos de fevereiro deste ano
 Nos últimos 12 meses, foram totalizadas 9.307 ações, queda de 9,8% na compa-
 ração com o período anterior.

Levantamento realizado pelo Secovi-SP junto ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP) aponta um aumento no número de ações condominiais na cidade de São Paulo. Em março, foram protocoladas 885 ações por falta de pagamento da taxa de condomínio, 38,9% a mais que os 637 processos ajuizados em fevereiro deste ano. Comparado ao mesmo mês do ano anterior (907 ações), houve diminuição de 2,4%.

Acumulado – No primeiro trimestre deste ano, as 1.977 ações protocoladas representaram queda de 12,7% na comparação com igual período de 2020, quando foram contabilizadas 2.264 ações. Nos últimos 12 meses, de abril de 2020 a março de 2021, foram totalizadas 9.307 ações, queda de 9,8% na comparação com o período anterior (10.321 ações). 

Confira a íntegra do levantamento.
 

Autor:  Assessoria de Comunicação - Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • UniSecovi