Institucional

“O brasileiro precisa ser mais otimista”


Afirmação é do presidente da República, Michel Temer, em evento no dia 13/12
Romeu Chap Chap e Michel Temer: "brasileiro precisa ser otimista"

No entender do presidente da República, Michel Temer, o brasileiro precisa ser mais otimista. “Em todos os encontros internacionais que participo as pessoas se mostram entusiasmadas com o País. Admiram o que está sendo feito. Querem investir”, afirmou por ocasião de jantar em sua homenagem (13/12), promovido pelo Fórum das Américas e o Global Council Sales Marketing (GCSM).

Temer salientou que focou sua gestão em três pontos básicos: diálogo (com o Congresso Nacional), responsabilidade fiscal e responsabilidade social. “O Minha Casa, Minha Vida integrou o campo social. O setor da construção civil e imobiliária também é o que mais emprega”, disse.

Michel Temer e Flavio Amary: legado para o Brasil e o setor imobiliário

O legado de Michel Temer foi objeto de pronunciamento do ex-presidente e coordenador do Núcleo de Altos Temas do Secovi-SP, Romeu Chap Chap (veja íntegra). “Em pouco mais de dois anos de governo foram realizadas reformas que vinham sendo há décadas postergadas por seus antecessores, os quais preferiram não correr o risco da impopularidade”, considerou.

Flavio Amary, presidente do Secovi-SP, integrou a mesa principal da solenidade. Além dele, também participaram os vice-presidentes Basilio Jafet, Caio Portugal, Carlos Borges, Flávio Prando e Rodrigo Luna.

Autor: Assessoria de Comunicação - Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas