Institucional

Prefeito de Jundiaí aborda ações durante a pandemia


Em Live Secovi-SP, Luiz Fernando Machado destacou as medidas adotadas e as perspectivas para 2020
                              Prefeito Luiz Fernando Machado

O prefeito de Jundiaí, Luiz Fernando Machado, foi o convidado da Live Secovi-SP da última terça-feira, 9/6. Durante a transmissão, que contou com os facilitadores Paulo Oliva, presidente da Proempi (Associação de Empresas e Profissionais do Mercado Imobiliário de Jundiaí e Região) - entidade que representa o Secovi-SP na localidade -, e Carlos Eduardo Quadratti, vice-presidente de Administração e Comercialização da Proempi, foram abordadas as medidas adotadas pelo poder municipal frente ao novo coronavírus e também as perspectivas de retomada econômica após a pandemia. Machado iniciou a transmissão agradecendo as empresas e entidades da cidade, incluindo a Proempi e representantes do mercado imobiliário, pela doação de cestas básicas e EPI´s (equipamentos de proteção individual), além da própria manutenção dos empregos e da saúde dos trabalhadores da área, atitudes que garantiram uma melhor expectativa de vida aos cidadãos neste momento de pandemia. 

Durante a live, o prefeito também foi questionado sobre a implementação de incentivo fiscais para as empresas, como forma de atrair novos investimentos para a cidade. “A pandemia paralisou negócios no mundo inteiro. Nós entendemos que incentivos fiscais, além de não produzirem efeito, não são possíveis de serem implementados. Neste momento, entendemos e compreendemos a situação criada pela pandemia, mas não podemos, apesar disso, fazer renúncia de receita”, justificou o prefeito. “Nossa administração tem adotado todas as medidas possíveis para agilizar a aprovação de novas empresas, inclusive a revisão do Plano Diretor”, explicou, destacando que há um rito obrigatório, determinado também pela legislação estadual e federal, que deve ser seguido em benefício do desenvolvimento da cidade.

Perguntado sobre o déficit habitacional do município e as estratégias para combatê-lo, o prefeito citou o último Plano de Habitação de Interesse Social, feito em 2015, mas com projeções até 2025. Para este ano, segundo ele, a carência de moradias gira em torno de 16.500 unidades. “Deste número, 25% seriam referentes à famílias sem renda ou em estado de submoradias. As demais famílias estão na faixa de até seis salários mínimos”, comentou. Luiz Fernando Machado acrescentou, ainda, que para mitigar o déficit o novo Plano Diretor de Jundiaí, aprovado em 2019, manteve as Zonas Especiais de Interesse Social em quase 2 milhões de metros quadrados a serem destinados aos programas para famílias de baixa renda. “Vale lembrar que o Plano Diretor alterou sensivelmente os parâmetros de ocupação do solo, facilitando as parcerias com a iniciativa privada. Esse é o modelo que acreditamos ser mais viável para fecharmos as parcerias com as empresas.”

Em 2019, acrescentou, a prefeitura de Jundiaí lançou o Saepro (Sistema de Aprovação Eletrônica de Projetos de Obras) para oferecer mais agilidade e transparência à aprovação de projetos, principalmente os de grandes empreendimentos. “O novo Saepro 2.0, agora totalmente digital, permitirá que essas análises sejam feitas em paralelo: todas as unidades da Prefeitura envolvidas terão acesso ao processo simultaneamente, o que trará mais transparência ao trabalho e atenderá o empreendedor com mais rapidez. Todos os profissionais envolvidos têm acesso e tem ciência de tudo que envolve o processo, eletronicamente”, explicou o prefeito. 

Ao final, Luiz Fernando Machado enfatizou a importância do mercado imobiliário para a cidade. “O setor tem a responsabilidade de cuidar do ambiente para atrair o empreendedor na cidade e é, por isso, considerada uma atividade auxiliar no próprio desenvolvimento da cidade. A Aglomeração Urbana de Jundiaí tem o potencial de desenvolvimento muito promissor determinado, exatamente, pela nossa localização: moramos numa região muito privilegiada do Estado e a preservação a qualidade de vida é forte fonte de atração de novos investimentos no município e o setor imobiliário é grande aliado do município nesta questão”, destacou. 

Para acompanhar a transmissão na íntegra, acesse.

Autor: Assessoria de Comunicação do Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas