Institucional

Secovi-SP integra nova diretoria da Cimlop


Presidente Flavio Amary participou de cerimônia de posse e ministrou palestra na Feira Internacional de Lisboa, nos dias 6 e 7/10. Alguns vice-presidentes o acompanharam

parceriaA nova diretoria da Cimlop (Confederação da Construção e do Imobiliário de Língua Oficial Portuguesa) tomou posse no dia 6/10 para o triênio 2016-2018, com Luis Lima reeleito presidente. Dirigentes do Secovi-SP compõem a diretoria: Flavio Amary, vice-presidente Brasil; Flávio Prando, suplente; João Crestana, secretário; e Romeu Chap Chap, presidente da Assembleia Geral. Com exceção de Crestana, todos participaram da cerimônia de posse, que aconteceu na cidade de Lisboa, em Portugal.

No mesmo dia, o presidente do Secovi-SP, Flavio Amary, apresentou o mercado imobiliário brasileiro durante reunião de direção da confederação e, no dia 7/10, ministrou palestra sobre as perspectivas de investimento de brasileiros no setor imobiliário português, no Seminário Nacional da Apemip (Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal), durante a Feira Internacional de Lisboa.

Flávio Prando, vice-presidente de Intermediação Imobiliária e Marketing do Secovi-SP, considera extremamente positiva a atuação da Cimlop como facilitador do processo de  integração comercial da área imobiliária dos países lusófonos. “É importante que cada país integrante da confederação procure entender melhor como se faz negócio nas demais localidades. Luis Lima tem conduta irretocável, tem sido um tremendo estimulador desse processo e sua reeleição é mais do que justa”, avaliou.

Ele salientou que a recuperação do mercado imobiliário português, tanto no volume de negócios como nos valores dos preços de imóveis, ainda é essencialmente motivada pelo mercado estrangeiro, responsável por 90% dos negócios; por isso o grande interesse dos portugueses pelo Brasil, que está atrás apenas da França e do Reino Unido na aquisição de imóveis.

Turismo e reabilitação urbana

O vice-presidente de Assuntos Turísticos Imobiliários do Secovi-SP, Caio Calfat, acompanhou o grupo e participou da palestra “O paradigma entre o Imobiliário e o Turismo”, no Salão Imobiliário de Portugal. O país europeu está saindo de uma forte crise e o turismo voltando, especialmente nas regiões litorâneas, como Porto e Algarve, e, com isso, novos empreendimentos começam a ser planejados.

“Temos muito a aprender com os portugueses na área imobiliário-turística, especialmente em reabilitação urbana, que consiste na restauração de bairros antigos, locais que os turistas querem visitar. Em Portugal, bairros inteiros estão sendo totalmente restaurados e imóveis vendidos ao público, muitas vezes para turistas”, relatou Calfat. “No Brasil, centros degradados em cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Manaus e Porto alegre, podem se tornar locais não só de primeira, mas também de segunda habitação, se houver uma boa política de recuperação urbana”, disse o vice-presidente, que acredita que parte do caminho a ser percorrido na retomada da economia brasileira passa pelo turismo.

Autor: Catarina Anderáos

Comente essa notícia


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas