Locação

Self storage é discutido em reunião do Secovi-SP


Rafael Cohen, novo presidente da Asbrass, fala aos participantes da vice-presidência de Gestão Patrimonial e Locação
VP Rolando Mifano ao lado de Rafael Cohen, presidente da Asbrass, em reunião

O novo presidente da Asbrass (Associação Brasileira de Self Storage), Rafael Cohen, participou da primeira reunião de 2019 da vice-presidência de Gestão Patrimonial e Locação do Secovi-SP. Em sua palestra, deu um breve panorama do segmento, que atualmente tem 248 unidades mapeadas no Brasil, e perspectivas no País. “O mercado brasileiro tem grande potencial de captação de investimento e foi apontado como um dos mais promissores segundo a American Self Storage Association”, disse Cohen, que é o novo diretor de self storage da VP.

A atividade ganhou impulso nos EUA na década de 60 como opção de armazenamento e solução para pessoas e empresas que possuem problemas com falta de espaço em seus imóveis, chegando ao Brasil nos anos 90. Segundo Rafael Cohen, o self storage tem crescido muito para o e-commerce, servindo de complemento e apoio a home offices e pequenos negócios; para atender o conceito moderno de minicentro de distribuição, por oferecer eficiência em logística; e como solução para espaços residenciais cada vez menores e caros.

Integrantes da VP presentes na reunião tiveram a oportunidade de tirar dúvidas relacionadas ao tema e formaram um grupo de trabalho de self storage, com representantes da Asbrass, para dar continuidade aos assuntos. Confira as fotos do encontro.

Autor: Assessoria de Comunicação - Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas