Institucional

Vice-presidente do Secovi-SP participa do Meet Up


Evento realizado em São Paulo discutiu a aproximação da indústria do tempo compartilhado com o mercado financeiro
                                  Caio Calfat

O vice-presidente de Assuntos Turísticos e Imobiliários do Secovi-SP, Caio Calfat, participou na última quinta-feira, 22/11, do Meet Up Faria Lima, evento organizado pela Adit Brasil (Associação para o Desenvolvimento Imobiliário e Turístico do Brasil), no Hotel Pullman Vila Olímpia, em São Paulo, que teve como objetivo discutir a aproximação da indústria do tempo compartilhado com o mercado de capitais.  

A iniciativa proporcionou o encontro entre players de timeshare (tempo compartilhado) e de multipropropriedade com agentes do mercado financeiro, incluindo securitizadoras, fundos de investimentos, family offices e outros atores do setor. Segundo os organizadores, o Meet Up apresenta-se como um importante canal de debates sobre o futuro e os desafios da indústria do tempo compartilhado.

A programação contou com palestra de Caio Calfat sobre “Cenário do Desenvolvimento de Multipropriedades no Brasil em 2018”, tema baseado em estudo conduzido pelo vice-presidente e divulgado em junho, durante o Adit Share, realizado em Porto de Galinhas (PE). Entre os dados apresentados, a expectativa é atingir neste ano um VGV (Valor Global de Vendas) nacional de imóveis de posse compartilhada de R$ 16,3 bilhões, ante os R$ 11,1 bilhões apontados em 2017.

Para ele, a multipropriedade foi um dos poucos segmentos, dentro do setor imobiliário, que reagiu bem à recente crise econômica brasileira e, por isso, precisa ser tratado com atenção. “No segundo semestre deste ano, conseguimos aprovar, em caráter terminativo, o projeto de Lei nas duas casas legislativas em Brasília, e agora aguardamos a sanção presidencial. A importância da multipropriedade está sendo reconhecida e o Secovi-SP, que liderou um grupo de trabalho heterogêneo durante dois anos para debater o desenvolvimento de soluções para a área, está comprometido com a defesa do segmento”, complementa Calfat.

O evento contou ainda com a participação de Felipe Cavalcante, presidente  da Adit Brasil; Juliana Mello (Fortesec), apresentando “A visão de quem já investiu no setor”; Marco Vargas (New Time), explicando “O processo de vendas de Timeshare e Multipropriedade”; Márcia Rezeke, coordenadora do Conselho Jurídico da vice-presidência de Assuntos Turísticos e Imobiliários do Sindicato da Habitação, e Fabiana Leite (RCI), pontuando “O papel da intercambiadora de férias”.

Para saber mais sobre o estudo “Cenário do Desenvolvimento de Multipropriedades no Brasil em 2018”, clique aqui.

Autor: Assessoria de Comunicação do Secovi-SP


  • Ampliar
  • Câmara de Mediação Secovi-SP
  • Certificação Digital
  • Geosecovi
  • Milenium
  • PQE - Programa Qualificação Essencial
  • Rede Imobiliária Secovi
  • Revista Secovi
  • Secovi Novos Empreendedores
  • Universidade Secovi-SP
  • Gentilezas Urbanas
  • Núcleo de Altos Temas